post

A última decisão do Governo Espanhol em construir um armazém de resíduos nucleares junto à Central Nuclear de Almaraz, e junto ao Rio Tejo, a 100 km da fronteira com Portugal, demonstra que a intenção de prolongar uma vez mais o funcionamento de Central de Almaraz, muito para além do seu tempo de vida útil, é cada vez mais provável.

O Governo Português tem mantido uma ambiguidade inaceitável sobre o encerramento da Central Nuclear de Almaraz, nunca tendo, até agora, demonstrado uma posição firme relativamente a este assunto, mesmo após sucessivas informações vindas a público sobre falhas de segurança na Central Nuclear ao longo dos últimos dois anos.

O Movimento Ibérico Antinuclear (MIA), que a ZERO integra, convocou uma concentração para exigir o encerramento da Central de Almaraz.

A Concentração decorrerá na próxima quinta-feira, dia 12 de Janeiro, pelas 18h, junto ao Consulado de Espanha, sito na Rua do Salitre n.º 3, à Av. da Liberdade, em Lisboa (Metro: Avenida, Linha Azul).

Vamos todos exigir o encerramento da Central Nuclear de Almaraz.

Junte-se a nós!

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *