post

Aproximamo-nos de um momento crucial para o futuro da Humanidade no Planeta Terra.

Se as metas de redução de GEE com que os Estados se comprometeram no âmbito do Acordo de Paris fossem cumpridas, apenas conseguiríamos garantir que a temperatura média da atmosfera aumentaria 3.2 Cº este século em relação aos níveis pré-industriais, o que está muito para lá do necessário para manter a estabilidade climática da nossa casa comum.

O desafio das alterações climáticas com origem nas actividades humanas, é mais social, económico e político do que tecnológico. Para que nos próximos 10 anos consigamos satisfazer as necessidades básicas de todos os seres humanos ao mesmo tempo que reduzimos a metade as nossas emissões globais de gases com efeito de estufa, precisamos de um grau de empenhamento e mobilização social quase sem precedentes.

Deixámos de ter tempo para fingir que agimos, é este o momento de agir de forma decisiva obrigando os governos a adoptar políticas responsáveis.

Nenhuma actividade humana pode ficar de fora deste esforço histórico. Precisamos de metas muito mais ambiciosas cujo cumprimento seja assegurado por mecanismos justos e eficazes.
Muitos milhões de pessoas por todo o mundo estão a mobilizar-se para garantir que a próxima década será histórica!

A Zero, convida todos a viajar até Madrid para discutir com cidadãos de todo o mundo formas de mudar as nossas vidas em direcção a um futuro livre da ameaça climática que paira sobre nós!

Podem inscrever-se aqui
https://salvaroclima.pt/operacao-madrid/inscricoes-nos-transportes/

A estadia será assegurada solidariamente, mas pede-se que leve consigo pelo menos um saco de cama e uma esteira.