O amianto é uma fibra mineral natural extraída a partir de rochas. Existem 6 tipo de amianto, do grupo das serpentinas: crisótilo (amianto branco); e do grupo das anfíbolas: crocidolite (amianto azul), amosite (amianto castanho), antofilite, actinolite e tremolite.  O crisótilo, crocidolite e amosite foram os tipos de amianto mais utilizados na construção.

O amianto é utilizado sob a forma de fibra (trabalha-se como se fosse um tecido) amplamente utilizado, sobretudo entre 1940 e 2005. É um material fácil de obter e de trabalhar, barato e que tem propriedades de alta resistência, é ignífugo, anti-bacteriano, anti-fúngico e flexível. Funciona como um excelente isolante térmico e acústico.

A UE proibiu a incorporação de amianto nos materiais a partir de 1999. Em Portugal esta proibição entrou em vigor em 2005. A probabilidade de existência de amianto na composição de materiais situa-se nas construções deste período, especialmente entre os anos 60 e os 90.

*Consultar ACT

http://www.act.gov.pt/(pt-PT)/CentroInformacao/DossiersTematicos/Perguntasfrequentes/Paginas/default.aspx