post

A Zero coloca hoje em marcha o Projeto iZ – Jovens Detetives Ambientais, que convida crianças e jovens a conhecerem em pormenor os rios e ribeiras que lhe estão mais próximos, através de uma “investigação ambiental”.

O projeto é aberto à participação de crianças e jovens entre os 8 e os 13 anos, devidamente acompanhados por um adulto responsável, que poderão a partir de hoje fazer a sua inscrição em www.iz.zero.ong.

Após a inscrição dos participantes, o projeto irá desenvolver-se em três fases: (1) a disponibilização de uma exposição sobre a temática dos rios e ribeiras, que estará disponível para requisição pelas escolas a que pertencem os participantes; (2) uma apresentação, sobre a mesma temática, realizada em sala de aula; e (3) uma componente prática em que os alunos são convidados a ir para o terreno “investigar” as características de um curso de água próximo da escola ou do local de residência.

O projeto pretende desta forma incentivar os jovens em idade escolar a adotarem um olhar crítico sobre a realidade ambiental local, em particular sobre os fatores de insustentabilidade e de degradação dos recursos naturais, focando-se na necessidade de valorização dos ecossistemas ribeirinhos, na sua importância para o ciclo da água, na importância da prevenção da poluição das massas de água e da utilização sustentável da água.

O projeto iZ é desenvolvido com o apoio do Fundo Ambiental, que visa a prossecução da Estratégia Nacional para a Educação Ambiental, e que conta com o apoio científico do Tagis-Centro de Observação das Borboletas de Portugal.